A Editora Elefante surgiu em maio de 2011 com a publicação do livro-reportagem O Equador é verde: Rafael Correa e os paradigmas do desenvolvimento, escrito pelo jornalista Tadeu Breda, com fotos de Raoni Maddalena. A obra analisa em profundidade o primeiro mandato do presidente equatoriano, Rafael Correa, que governa o Equador desde 2007.

Os originais foram apresentados para mais de quinze grandes e pequenas editoras do país durante o ano de 2010, porém, apesar da completa ausência de livros sobre a política latino-americana contemporânea no mercado editorial brasileiro, nenhuma se interessou em publicá-lo.

Foi quando o autor juntou-se à designer gráfica Bianca Oliveira e ao jornalista Leonardo Amaral, grande animador da ideia, para lançar a Editora Elefante, que nasceu com o propósito de publicar solidária e coletivamente livros que podem não despertar interesse comercial, mas que possuem inquestionável relevância social, política e cultural.

E assim vamos caminhando: devagar, como os elefantes, mas sempre — sempre — em manada.

 

Tadeu Breda, João Peres, Bianca Oliveira, Leonardo Garzaro.

Tadeu Breda, João Peres, Bianca Oliveira, Leonardo Garzaro.