Cabuloso Suco Gástrico

R$ 30,00

Autor: Breno Ferreira
Projeto Gráfico:
Bianca Oliveira & Denise Matsumoto
Páginas: 112
Publicação: Novembro 2015
ISBN: 978-85-919869-0-3

Fora de estoque

Categoria Tag:

Descrição

Se você já acompanha o trabalho do Breno Ferreira pela internet, no blogue do Cabuloso Suco Gástrico, já deve saber que é genial. Caso seja um novo leitor, perceberá a genialidade do rapaz quando estiver relendo a mesma tira pela terceira ou quarta vez e notar que ela te leva cada vez mais a novos lugares.

Eis a cara desse projeto: enquanto muitas tiras acabam indo por um caminho mais direto e bem pontual, até mesmo didático, as do Cabuloso Suco Gástrico não se entregam a isso: a ambiguidade e a linguagem poética sempre estão presentes, temperadas com muita azia, gastura e queimação – e, claro, acompanhadas de um desenho extremamente gorduroso.

Tive a sorte de acompanhar o Cabuloso Suco Gástrico antes mesmo de ser publicado, enquanto ainda estava no campo das conversas de bar, das ideias e rascunhos iniciais, e uma das coisas que mais impressiona é o quão rápido Breno Ferreira atingiu uma linguagem própria e madura.

Você pode sentir isso quando estiver lá pela quarta tira e notar que tanto o desenho quanto o texto possuem um nível tão elevado que, se cada desenho fosse ampliado numa gravura ou cada texto, convertido em uma poesia dadaísta neoconcreta pós-moderna, tudo estaria perfeito!

Essa combinação pode ser vista também em outros projetos do Breno Ferreira, como O Miolo Frito, revista auto-publicada por amigos quadrinistas em que ele desenvolve o papel de um notável narrador de sequências longas – sempre desafiando prazos e nunca decepcionando.

Aliás, quando você chegar ao final deste álbum, terá tido também o privilégio de ter conhecido um pouco mais desse cara que, quando não está desenhando mãos que seguram dentaduras falantes, pode ser encontrado nos meandros da Lapa, em São Paulo, não raramente em situações extremas e desafiadoras. Daí sua genialidade.

—Benson Chin, quadrinista d’O Miolo Frito

 

SOBRE O AUTOR

A poesia doída de um natural do nosso querido interior paulista. Limeira, caros amigos, LI-MEI-RA. Terra de origem (diz-se) de nada mais nada menos que nosso acepipe favorito: a coxinha! E que origem afrescalhada, ora! Procure saber.

Bom, o ponto é que nossa lenda, nosso monstro, nosso MITO é o jovem quadrinista (nem tanto: 1985, cabelo já rareando, mas ssssshhhhhh…) que mais impressiona nos dois campos: seja no desenho, na fartura de dobras e rugas, nos pelos, no asco dos seus personagens cuja miséria pode-se notar só de olhar seus ombros arqueados e seu olhar cansado; seja pelo texto – e aqui sublinho – QUE TEXTO! O cara é poeta, e não é brincadeira não, chegado.

Pede pra ler os cadernos dele pra você ver uma coisa. Não é redundante nem previsível – e nem um pouco didático. As tirinhas (que começaram no blogue do Cabuloso Suco Gástrico em 2012) têm uma qualidade que faz delas muito especiais: são de fato ideias visuais desenhadas, ou seja, o cara que vira um dente do siso… Sofrei, pobres mortais!

Tens então em mãos o début solo do nosso baraum, a lenda dos pés descalços da zona oeste de São Paulo. E digo mais: é chute na bunda e soco na cara, um atrás do outro.

Podem chorar, crianças, porque ele veio pra ficar – e muitos com azia vai deixar.

—JNJ, CEO da multinacional Miolo Frito LTDA

REPERCUSSÃO NA IMPRENSA

cabuloso geek feelings

Geek Feelings

Imagine uma mistura do surrealismo das animações de Terry Gillian para as aberturas dos filmes do Monty Python, com a crítica certeira de Laerte, e a pegada underground de Angeli, e você terá uma noção de como funciona a mente de Breno Ferreira

17 de janeiro de 2016

 

cabuloso universo

Universo HQ

As tiras do Cabuloso Suco Gástrico (112 páginas, R$ 30,00) começaram a sair da cabeça de Breno Ferreira em 2012. O trabalho virou blog e passou a reunir admiradores. Em 2014, o autor transformou suas tirinhas “indigestas” em livro, a segunda HQ do selo Elefante em Quadrinhos.

17 de novembro de 2015

 

cabuloso vitralizado

Vitralizado

Bati um papo com Breno Ferreira por email. Ele me falou sobre a produção do livro, algumas de suas inspirações para o Cabuloso Suco Gástrico, o tom poético de certas tiras e o pessimismo de outras.

19 de novembro de 2015

 

cabuloso zupiZupi

Existe esse axioma moderno que diz que muitas das pessoas que hoje em dia se declaram profundas, intelectuais, artistas, críticas e/ou poetas não realmente o são – o que acontece é que elas têm acesso a internet.

18 de dezembro de 2015

 

 

cabuloso galileuRevista Galileu

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Cabuloso Suco Gástrico”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *