fbpx

bell hooks: amor como prática da liberdade

Este é um dos ensaios de bell hooks reunidos em Cultura fora da lei: representações de resistência, publicado em Outras Palavras.   Nesta sociedade, não há um discurso potente sobre o amor emergindo nem de radicais politicamente progressistas nem da esquerda. A ausência de um foco contínuo no amor dentro dos círculos progressistas é resultado […]

Ler mais

É preciso guaranizar a política

Os Guarani Mbya indicaram ao antropólogo Lucas Keese dos Santos que a chave para compreender a sua política está nos movimentos de uma dança, ou dança-luta, que eles chamam de dança dos xondaro (xondaro jeroky), composta por movimentos de esquiva, de “fazer errar” (-jeavy uka) o adversário – um ponto de encontro com a capoeira, […]

Ler mais

Nascidos e criados da terra

Por Julie Dorrico Publicado em Quatro Cinco Um   “Muitas aldeias vão se levantar ainda. Muitos povos vão se erguer.” Essas palavras-sonhos de Os donos da terra inflamam a esperança de fazer valer o direito que possuem os povos indígenas sobre seus territórios originários. Desde a promulgação da Constituição Federal, em 5 de outubro de 1988, os […]

Ler mais

O Brasil tomou ácido

Em abril de 1943, Albert Hofmann pedalava na Suíça experimentando a primeira viagem de LSD. No final dos anos 1960, a contracultura no Brasil respondia à ditadura no ritmo da Tropicália — e chapada. Em setembro de 1970, era proferida a primeira sentença do país por tráfico de dietilamida do ácido lisérgico. É por aí que se passa a História Social do LSD no […]

Ler mais

Como o LSD chegou ao Brasil e o que aconteceu depois

Osmar Ludovico da Silva era um jovem de classe média, morador do bairro da Pompeia, em São Paulo, quando decidiu “botar o pé na estrada”, segundo suas palavras: mudou-se para a Europa antes do golpe de 1964, viveu em diversos países e se aproximou das formas de agir e pensar que compunham a nascente contracultura […]

Ler mais